Aula de redação

Professo, logo existo

Posted on: abril 18, 2008

Escreva uma dissertaçao em que você exponha a importância de um professor.

O pessoal tem me pedido links para leitura. Acho que esses que coloco no meio do texto valem. Vou colocar um texto da revista Carta Capital. Ela apresenta textos ótimos e outros, não. Portanto, saiba buscar o melhor.

Vamos lá.

Quem for fundamentalmente um mestre, apenas toma a sério tudo o que se relaciona com os seus discípulos, – incluindo a si próprio

Fonte: “Para Além do Bem e do Mal”
Autor: Nietzsche , Friedrich

http://www.cartacapital.com.br/app/coluna.jsp?a=2&a2=5&i=701

O que significa ser um grande professor? A partir da leitura de Edward O.Wilson, sabemos que ele não somente é sábio, mas, principalmente, está disposto a convencer o menino que coça o nariz no fundo da sala de que o assunto a ele apresentado lhe terá enorme serventia. Motivá-lo às próprias idéias é ponto de honra para um profissional desta natureza. Um grande professor está disponível, nem é preciso dizer, para todos os alunos de sua turma, e integra o discípulo ao projeto de conhecimento do qual também faz parte. Melhor dizendo, transforma o aluno em um colega seu, e com isto lhe aponta um futuro.

Hoje, este perfil parece distante de muitos professores de ensino básico das escolas brasileiras. No ano passado, por exemplo, em razão de uma experiência familiar, vi professores de uma escola particular paulistana reputada se revelaram incapazes de enunciar com clareza questões matemáticas ou mesmo de obedecer a regra que impede a colocação da vírgula entre sujeito e verbo. Isto para não dizer que calavam seus alunos perguntadores. Nos relatórios de fim de semestre, havia mais linhas para condenar a criança que não tirava o boné ao adentrar a sala do que para a exposição clara de sua evolução em álgebra.

Em um esquema como este, infelizmente comum mesmo nas escolas que se anunciam liberais ou construtivistas, pouco importa a criatividade, que cede força à evidência da cauda poderosa. Segundo este sistema, é obedecer o professor, saiba o que ele ensina ou não _ ou não ser. O essencial se resume a preparar o aluno para a realidade escolar, sua riqueza e onipotência, não para a educação.

No segundo semestre do ano passado, uma pesquisa realizada pelo Ibope com 500 professores das redes públicas municipal, estadual e federal, mostra uma posição surpreendente deste profissional de ensino no Brasil, ainda que possamos considerar, aqui, a miríade de problemas (baixo salário, formação deficiente, violência nos arredores) enfrentada por quem ensina nesses locais, em contrapartida àqueles funcionários dos colégios privados paulistanos.

O professor da escola pública, diz a pesquisa, vê alunos e pais como os principais problemas da sala de aula. Os alunos, portanto, não representariam mais desafio ou estímulo, nem mesmo objetivo da existência professoral dentro de sala. Eles teriam passado a constituir obstáculos. E ainda esta questão: os pais, fatores externos à classe, parecem determinar a ausência de horizontes do professor da escola pública. Mas o que sabemos é que um mestre deveria estar ocupado em seguir planejamento pedagógico capaz de fazer brilhar os olhos dos meninos da primeira à última fila, sem qualquer intromissão.

Frequentemente, nas escolas brasileiras, a impressão que temos é a de que professores e direção estariam muito mais felizes se a escola existisse sem seus alunos. Para este mistério, talvez nem mesmo Edward O.Wilson encontrasse uma resposta real.

Cedo se exercita quem se quer tornar um mestre Fonte: “Guilherme Tell”
Autor: Schiller , Friedrich

http://citador.pt/index.php

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: