Aula de redação

Dissertação, UFMG, 2006

Posted on: julho 11, 2008

Leia este trecho:
A DOCE VIDA DOS FILHOS-CANGURUS
Nos anos mais efervescentes das décadas de 1960 e 1970, a palavra de ordem da juventude era
pôr o pé na estrada. Isso significava romper com os valores estabelecidos da sociedade, entre eles a
família, e ir em busca de seus sonhos, mesmo quando estes não eram muito claros. Visto hoje,
parece compreensível. Além de um mundo que pedia reformas, havia um imenso abismo entre esses
jovens e a geração de seus pais. Sair de casa acabou virando sinônimo de liberdade. Mesmo que para
isso tivessem que trocar o conforto familiar por uma espécie de república de estudantes ou
compartilhar um apartamento com vários amigos. Os mais psicodélicos integravam-se em
comunidades hippies ou adaptavam-se ao espaço de uma barraca de acampamento. No final dos anos
1970, essa prática já estava naturalmente incorporada à idéia de independência e realização pessoal.
O tempo passou e os filhos daquelas gerações rebeldes comportam-se hoje de forma
diametralmente oposta. Ao contrário de seus pais, os jovens atuais não têm mais tanta pressa em sair de
casa. A maioria, aliás, nem pensa no assunto. São os representantes da chamada geração-canguru, que
resistem a abandonar a comodidade da casa paterna do mesmo modo que o filhote marsupial se agarra
à bolsa protetora da mãe. Alguns, mais folgados, não arredam da barra da saia nem mesmo depois que se
casam e têm filhos. Com isso, um novo fenômeno surgiu: o prolongamento da adolescência.
LOPES, C.F. Galileu, São Paulo, n. 95, jun. 1999. p.47-48. (Texto adaptado)
Com base no seu próprio ponto de vista, REDIJA um texto dissertativo, analisando uma conseqüência
do comportamento de indivíduos que vivem o fenômeno atual do prolongamento da adolescência.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: